Slider

Vacina para Covid-19 pode ser concluída em junho e distribuída ainda em 2020

A MilliporeSigma, também conhecida como Merck KGaA, e distinta da empresa farmacêutica Merck & Co Inc/MSD, juntamente com o Jenner Institute da Oxford University, na Inglaterra, vai produzir 1 milhão de vacinas para a Covid-19, mesmo com os testes ainda em fase experimental. São 510 voluntários inscritos em ensaios clínicos para esta vacina, o rápido desenvolvimento do processo de fabricação em larga escala é uma etapa crítica para a entrega rápida e segura do laboratório aos pacientes.

Os pesquisadores produzirão a vacina em larga escala antes mesmo dos resultados dos testes. A equipe conseguiu reduzir o tempo de desenvolvimento do processo, normalmente de seis meses a um ano, para apenas dois meses.

Vacina norte-americana pode está concluída em junho

O planeta desviou todas suas atenções esta semana para o anúncio da farmacêutica americana Pfizer que informou está em produção em estado avançado de uma vacina que pode ser eficaz contra a Covid-19 e com a capacidade de entrar em atividade este ano.

Segundo a Pfizer, os primeiros resultados dos testes clínicos já podem ser conhecidos no final do mês de maio até o início de junho, sendo ainda possível, ter no mês de outubro vacinas prontas para uso emergencial, além da fabricação de centenas de milhões de doses até o final deste ano.

A farmacêutica explicou que a velocidade acima do usual no desenvolvimento de uma possível imunização está associada a um novo tipo de tecnologia, baseada no chamado RNA mensageiro. São vacinas desenvolvidas a partir do código genético do vírus e não, como é padrão, de uma versão inativada do próprio composto que causa a doença.

Voluntários brasileiros

O Brasil tem aproximadamente de 200 voluntários em uma plataforma internacional que está convocando voluntários dispostos a se infectar de propósito com o novo coronavírus em testes múltiplos de vacinas. A plataforma, chamada 1 Day Sooner, já conta com 3,9 mil inscritos de 52 países, que precisam passar duas semanas em um estabelecimento de isolamento clínico, realizando testes virais e sorológicos, para excluir aqueles com infecção anterior ou recente.

Em todo o mundo existem 76 vacinas contra a Covid-19 em desenvolvimento, 71 em estágio pré-clínico e cinco em fase clínica, de acordo com um balanço da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Copia não autorizada